Viagem

Onde se hospedar em Istambul? As MELHORES dicas reais! 2019

16 de novembro de 2019

Como falei no outro post sobre os hotéis de Istambul, definir onde você vai se hospedar não é uma tarefa fácil, já que a cidade é simplesmente enorme e a gama de hotéis é mais ainda!

Quando você entra em sites de hotelaria tipo Booking, encontra inúmeros hotéis lindos e a maioria deles baratos. A tentação para escolher um hotel chiquérrimo com um preço incrivelmente acessível é enorme, mas tem certos lugares na cidade que, por serem afastado, não compensa você se hospedar por mais que o hotel seja em conta

Depois de pesquisar muito, consegui definir 3 hotéis diferentes para ficar em Istambul, isso porque durante a minha viagem de 14 dias, para Turquia e Egito, eu iria passar por Istambul 3 vezes.

E com isso, decidi me hospedar em cada uma dessas idas à  Istambul, em um ponto diferente da cidade. Assim eu iria conseguir ter uma visão melhor de onde realmente é bacana de se hospedar e claro, poder ter uma experiência nova em cada um desses pontos.

A cidade de Istambul é realmente muito grande, dividida pelo Estreito de Bósforo, um lado de Istambul fica a Europa e do outro a Ásia, e cada um deles tem a sua particularidade que eu vou explicar aqui.

O ideal para a maioria dos turistas é se hospedar perto do centro histórico, no bairro de Sultanahmet, mas em qualquer um desses lugares do perímetro abaixo você estaria muito bem localizado, perto de metrô e dos principais pontos turísticos.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa:

Onde, de fato, é o melhor lugar para se hospedar em Istambul?

Bom, na verdade, não existe UM MELHOR LUGAR, eu posso dizer que existem três: Sultanahmet, Galata e Beyoglu.

Eu digo isso com toda propriedade pois nessa viagem eu me hospedei nos 3 bairros justamente para conseguir ver o que cada um oferecia de melhor. E escolher a localidade de onde irá se hospedar, depende muito do tipo de viagem que você esta pretendendo fazer.

SULTANAHMET

O principal bairro de Istambul, conhecido como a parte da cidade antiga, é por lá que se concentra o maior número de pontos turísticos da cidade.

A grande maioria das pessoas que vão à Istambul pela primeira vez, escolhe se hospedar nessa região simplesmente pelo fato de conseguir visitar tudo em 1 ou 2 dias no máximo e fazer tudo a pé, ou seja, você economiza muito em transporte público ou privado.

Até porque a maioria das ruas por lá são incríveis de ser exploradas a pé e algumas nem passam carros de tão estreitas.

PONTOS POSITIVOS: Estar perto dos principais pontos turísticos.
PONTOS NEGATIVOS: Quase nada fica aberto a noite, eu fui jantar no Nusret e a rua estava completamente deserta!
PONTOS TURÍSTICOS POR PERTO:Mesquita Azul, Hagia Sophia, Grand Bazar, Spyce Bazar, Cisternas, Palacio de Topikapi.

HOTÉIS EM SULTANAHMET:


BEYOGLU

O bairro conhecido por ser o mais badalado de Istambul, mas não pense que o “baladado” é no sentido de casas noturnas, estou me referindo mesmo a grande movimentação das ruas quando fica à noite.
É um universo bem diferente do lado Europeu, uma imersão no cotidiano dos Turcos, por ser um bairro com muitos moradores locais.

Beyoglu é bem moderno, com um mix de arquitetura clássica com conteporânea, vários barzinhos incríveis, ruas lindas e encantadoras de ficar andando a pé.

Conta com uma localização privilegiada por ter a Praça Taksim e a Rua Istiklal por perto, o que é excelente para compras já que na Rua Istiklal que se concentra as principais lojas de departamento, eletrônicos, maquiagem, esportiva e muito mais…

A região possui o funicular, bondinho elétrico e metro, o que facilita muito a sua ida para o lado Europeu para visitar as mesquitas.

PONTOS POSITIVOS: Vida noturna ativa com uma gama de comércio enorme por todos os lados.
PONTOS NEGATIVOS: Ter que pegar um transporte público para ver as mesquitas (Mas é muito tranquilo)
PONTOS TURÍSTICOS POR PERTO: Praça Taksim, Rua Istiklal e Mesquita de Ortaköy.

HOTÉIS EM BEYOGLU:


GALATA

Acredito que tenha sido o meu bairro favorito de se hospedar.

Meu hotel ficava à poucos minutos da Galata Tower e quando eu saia para caminhar a noite, eu me deparava com infinitas lojinhas de souvenir, restaurantes de todos os tipos, artistas de rua….

Tão “badalado” quanto o Beyouglu, o bairro Galata tem uma vibe incrível, ambientes descontraídos e muita gente na rua, o que Sultanahmet não tem à noite!

A diferença do Galata para o Beyoglu é que o mesmo fica mais próximo a Ponte de Galata, e você consegue fazer a travessia para o lado Europeu á pé. Além de você economizar no transporte púbico até o lado Europeu, você ainda faz o passeio incrível que é andar sobre a Ponte que atravessa o Estreito de Bósforo.

PONTOS POSITIVOS: Vida noturna ativa com uma gama de comércio enorme por todos os lados.
PONTOS NEGATIVOS: Algumas das ruas possuem morrinhos chatos.
PONTOS TURÍSTICOS POR PERTO: Galata Tower, Ponte de Galata, Rua Istiklal, Palácio Dolmabahçe.

HOTÉIS EM GALATA:

Ou você pode usar a caixa de pesquisa para encontrar outras opções:



Booking.com


CONSIDERAÇÕES FINAIS

Cada bairro tem sua particularidade, nenhum é melhor ou pior, já que cada pessoa monta a sua viagem com um intuito diferente do outro, né?

Se eu fosse dar uma dica, seria para se hospedar do lado Asiático, mas sempre por perto da Istiklal ou Taksin, pois assim fica fácil de você pegar o transporte público para chegar até o lado Europeu.

Se hospedando por lá você consegue ir para o lado Europeu durante o dia, ver todos os pontos turísticos e no fim da tarde você volta para o lado Asiático para curtir os arredores do seu hotel.

De fato, quando eu me hospedei do lado Asiático senti muito mais o espirito da cidade, vi sua essência e as noites foram bem mais aproveitadas (mesmo estando cansada de um longo dia de passeio).

Espero que gostem das dicas, logo mais sairá os vlogs da viagem no meu canal do YouTube e uma serie de posts sobre Istambul esta por vir!

Leia também o post:

Beijos, Nina

Publicações relacionadas

Sem comentários

Deixe um comentário